SoftexRecife vai formar mil jovens até 2023

Por meio do programa Formação Acelerada em Programação, o centro tecnológico vai atuar para combater a falta de mão de obra no setor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).

O Centro de Excelência em Tecnologia de Software do Recife – SoftexRecife vai desenvolver o programa Formação Acelerada em Programação – FAP. Com o objetivo de formar 1 mil jovens, a ação vai ser desenvolvida com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, a partir do Softex Nacional. O anúncio foi feito durante a celebração dos 27 anos de atuação do Centro, neste mês de dezembro.

O programa tem o objetivo de formar pessoas para que possam suprir as oportunidades de emprego disponíveis no mercado de tecnologia da informação. O FAP vai fornecer capacitação em Desenvolvedor Front End e Desenvolvedor Back End. A ação consiste em uma residência em empresas parceiras, alinhada ao conhecimento teórico e prático.

A Formação Acelerada em Programação vai capacitar mil jovens em 24 semanas, com um total de 276 horas, sendo 180 no modo EAD e 96 horas de aula presenciais. Para o presidente do SoftexRecife, Yves Nogueira, a principal contribuição do programa será na inserção de novos profissionais no mercado de trabalho.

“É uma contribuição nossa, em parceria com as entidades do setor, e a participação fundamental do Softex Nacional para tentar amenizar esse problema que vem afetando tanto as empresas de tecnologia”, disse.

Após o nivelamento realizado, os 300 melhores alunos serão alocados nas empresas parceiras, e vão receber uma bolsa de R$ 300 por mês, por um período de três meses. Entre os núcleos de formação do programa, estão a Região Metropolitana do Recife, Caruaru, Garanhuns e Petrolina.

Segundo o presidente do Softex Nacional, Ruben Delgado, que esteve presente no evento de ontem, Pernambuco é uma referência em tecnologia e um programa realizado a partir do SoftexRecife tende a contribuir com o desenvolvimento do ecossistema local.

“O problema da mão de obra atinge a todos. O Softex é uma ferramenta e temos que formar pessoas a partir da demanda do setor. Vale a pena fazer parte do ecossistema por conta de ações como essa, que demandam insistência e luta para que tudo aconteça. Essa formação de mil jovens tende a contribuir muito com o desenvolvimento das empresas”, disse Delgado.

A ação aconteceu após uma ação integrada do setor de TIC, liderada pela Federação das Associações das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação – Federação Assespro. A entidade alertou sobre o risco do setor sofrer um apagão de mão de obra e lançou um manifesto pela manutenção da competitividade tecnológica do País e a geração e preenchimento de empregos de qualidade. O documento foi lançado em Brasília na celebração dos 45 anos de atuação da Associação, com a presença de outras entidades representativas do segmento, como o próprio SoftexRecife.

O SoftexRecife

O Centro de Excelência em Tecnologia de Software do Recife atua com o objetivo de incentivar o sistema de negócios de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) em Pernambuco, promovendo a integração, capacitação e certificação empresarial, apoiando a inserção competitiva das empresas no mercado para aumentar os seus resultados. Atualmente, a entidade tem 238 empresas associadas que contam com todo suporte de mentorias e consultorias para o desenvolvimento empresarial.

    FALE CONOSCO

    E-mail: contato@softexrecife.org.br

    Fone: (81) 3224.4251

    LOCALIZAÇÃO

    R. Domingos José Martins, 75 • Recife Antigo
    Recife • PE • 50030-200

    softex_pernambuco_br

    © SOFTEXRECIFE. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. | Desenvolvido por QUINA

    GO TO TOP